Somos curiosos e imaginativos

sábado, 18 de abril de 2015

                           Que Sorpresa!
Eu sou a Helena, e vou vos contar uma estória que me aconteceu há dois anos.
Estava em casa com a minha irmã mais velha, Mireia. Eu via a televisão e de repente, a minha mãe pôs as noticias.
- Mamã!- disse-lhe muito zanfada - estava a ver ALF! (série de televisão antiga).
Ela ignorou-me e sentou-se no sofá. Então no noticiario explicaram que iam fazer um novo jardim zoológico em Barcelona.
Fiquei mais calma e disse:
- Podemos ir ao novo jardim zoológico? – tentando convecer-la – Olha que animais mais bonitos!
Respondeu-me que era muito longe e não tinhamos dinheiro para ir.
À noite tentei convencer o meu pai, mas não foi possivel. Aquela noite não podia dormir e pensava num plano para poder ir ao zoo mas também pensei que a Mireia podia querer participar. Já era de madrugada e não tinha domrido nada.  Tinha passado toda a noite a fazer um plano para ir a Barcelona.
Enquanto resistia para não fechar os olhos, preguntei à minha irmã se podiamos falarm um momento e disse-lhe:
 - Mireia, queres ir ao novo jardim zoológico comigo? – fazendo cara de pena – Tenho um plano para ir.
A Mireia era um pouco endiabrada, ainda que fosse mais velha do que eu, e respondeu-me que sim. Então, eu expliquei-lhe o plano.
-       Olha, primeiro apanhamos o comboio às doze e depois iremos com o mapa para localizar o zoológico. Mas não será tao fácil porque teremos de vestir-nos de negro e passar pelas câmaras de segurança. O plano é para esta noite, de acordo?
- De acordo. – disse a Mireia, surpreendida.
À noite saimos pela janela, tentando mover-nos o mais rápidamente possível, mas eu não conseguia comprir aquela norma inventada. Ia mais lenta que uma tartaruga pois estava muito cansada por nao ter dormido a noite anterior. Ao chegar à estação, o comboio chegou e nôs entramos. A meio da viagem, veio o revisor para saber se todos tinhamos pago. Que azar! Nôs tinhamos-nos esquecido de pagar e também de trazer o dinheiro. Então pararam o comboio e obrigaram-nos a sair.
Ao girar a cabeça, vimos outro comboio parado na estação. Tinha um cartaz onde estava escrito: “animais perigosos”. Ainda que houvesse este aviso, eu e a minha irmã quizemos entrar. Era a única maneira de chegar ao Jardim zoológico de Barcelona.
Quando estavamos dentro, vimos muitos animais mas o que mais me suprendeu, foi um animal pequeno, mas tão bonito que o queira levar para casa, o que seria díficil e complicado.
De repente, quando estava admirando o animal, veio um senhor.
- Vocês perderam-se?- preguntou.
-Sim – respondi, assim com tao pocas palavras.
O senhor, preguntou pelo número de telefone do nosso pai ou mãe. Demos-lhe o do pai “637 26 10 59”, porque ele entenderia tudo.
A curiosidade venceu-me e preguntei pelo nome daquele animal tao bonito.
- Este animal é o diabo da Tasmània. – respondeu o senhor.
- Não tem um nome muito agradável! – respondi com ímpeto.
Fixei-me que a Mireia não falava, ao contrário do que sempre faz. Estava calada, mas muito atenta ao que explicava o senhor sobre o animal, tao atenta que não dizia nada.
De repente, vi que atráz da Mireia estavam os meus pais. Corri para eles e preguntei:
- Mamà, podemos comprar este diabo da Tasmània?
A minha mae ficou surpreendida. Como lhe podia pedir-lhe aquilo naquele momento?
O senhor ouviiu-nos e disse à minha mãe que se queria tê-lo de mascota não seria preciso que estivera em casa. Nôs podiamos dar-lhe um nome e ele podia cuidar-lo por um euro à semana. Também nos trairia o animal a casa cada sábado, se quizessemos.
A surpresa foi enorme quando a minha mãe disse que sim. Isto não o esperava!

                                                       Fi




diário gráfico de Helena:

passeio a Barcelona com os avôs.

terça-feira, 9 de março de 2010

sábado, 30 de janeiro de 2010

A minha primeira aula de equitação


video
No dia 24 de Janeiro, fui ao Bom Jesus com os meus pais e a família Lima (Duarte, Diana e Freda). Nesse dia, andamos todos a cavalo (excepto o Duarte que ficou a tirar fotografia). Eu fui num cavalo com o meu pai e as meninas foram cada uma no seu. Como gostei muito, hoje, dia 30 de Janeiro, fui ter a minha primeira aula de equitação. Aqui podem ver o vídeo com as minhas primeiras habilidades.

Gabriel

terça-feira, 21 de julho de 2009

Chinesas parte II

Seguiram as meninas do toque dourado. Mais uns aninhos de experiência e já se nota a diferença.

A Mireia fez a sequência PERFEITA!




video

Chinesas part I

Primeira actuaçao:

punteta, taló, punteta, taló...as chinesas perdidas como num dia de chuva...

Mas a Helena deu o seu melhor...sabia, mas hesitava. De todos modos, nao há medo ao cenário... é o primeiro passo.




video

quinta-feira, 16 de julho de 2009

A minha casinha







Já há algum tempo que andava a pedir ao avô para me ensinar a fazer coisas. Neste domingo (12 de Julho), o avô mostrou-me umas placas de madeira para construirmos coisas. Ele perguntou-me o que é que eu queria construir. Eu disse-lhe: "Uma casa". Com serra e cola, construimos os três (eu, o meu pai e o nosso avô) a casa. Depois em casa da avó Guigui, pintei com o meu pai a casa. Ofereci-a à Carla (a minha professora). Ela ficou toda contente. Aqui envio as fotos para que fique registado o meu primeiro trabalho feito em madeira.